"...Então verão o Filho do homem voltar sobre as nuvens com grande poder e glória.." (Marcos 13)
 
       
 
Documento sem título
 




 
 
25/03/2020
O diretor da OMS colaborou com Bill Gates
 

O diretor da OMS colaborou com Bill Gates

23 de março de 2020

REVELADO: O diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, supostamente um membro da conhecida organização terrorista e fantoche da China.

https://www.thegatewaypundit.com/wp-content/uploads/update-tedros.jpg

por Jim Hoft 23 de março de 2020

O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, aparentemente promove o que a China quer que seja promovido.

No site da Illustrated Primer, Yaacov Apelbaum compartilha os links entre o Diretor Geral e a China. Por exemplo, no final de janeiro, ele se reuniu com o presidente da China Xi:

Apelbaum relata:

Em 15 de fevereiro de 2020, o diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, discursou na Conferência de Segurança de Munique. Na época, havia apenas cerca de 60 mil casos de Covid-19 na China e cerca de 500 no resto do mundo. Tedros estava mais preocupado com a desinformação do que com a contenção. Em seu discurso, ele disse:

"Não estamos apenas lutando contra uma epidemia; estamos lutando contra uma infodemia. As notícias falsas se espalham mais rápido e mais facilmente do que esse vírus, e é tão perigoso quanto." E se não resolvermos isso, ele continuou: "Estamos indo por um caminho escuro que não leva a nada além de divisão e desarmonia."

O Diretor Geral está agora relatando o que a China quer. Como apontou Apelbaum, a China investiu milhões na Etiópia. Isso pode ser em parte o motivo pelo qual Tedros fez as seguintes declarações sobre a OMS:

Dada a desinformação sobre a nova epidemia de coronavírus, a OMS entrou em contato com algumas empresas, incluindo o Google, para garantir que o público receba as informações autorizadas da OMS."

"As restrições de viagem [de e para a China] podem ter o efeito de aumentar o medo e o estigma, com pouco benefício para a saúde pública."

"O confinamento de pessoas é sem precedentes na história da saúde pública, por isso certamente não é uma recomendação da OMS".

"A OMS agradece muito os enormes esforços da China para conter a epidemia."

Mas Apelbaum também explica que o diretor-geral da OMS tem um passado chocante, atormentado por morte e destruição na Etiópia:

Sua rápida ascensão ao topo da liderança da OMS começou após sua colaboração com Bill Gates e a Fundação Clinton e sua Iniciativa (CHAI). A análise da atividade da Tedros entre 1991 e 2018 mostra condutas repletas de fraude, corrupção, as piores formas de violações e escândalos de direitos humanos.

Fonte:https://www.thegatewaypundit.com/2020/03/breaking-who-director-general-tedros-adhanom-ghebreyesus-was-reportedly-ranking-member-of-terrorist-organization-and-china-puppet/

 
 
 

Artigo Visto: 555 - Impresso: 3 - Enviado: 0

 

 
     
 
Total Visitas Únicas: 4.293.907 - Visitas Únicas Hoje: 467 Usuários Online: 181