"...Então verão o Filho do homem voltar sobre as nuvens com grande poder e glória.." (Marcos 13)
 
       
 
Documento sem título
 




 
 
31/05/2020
Os Jesuítas de Francisco em queda livre desde o Concílio Vaticano II
 

Os Jesuítas de Francisco em queda livre desde o Concílio Vaticano II

29 de maio de 2020

https://image-media.gloria.tv/placidus/a/nwpn4p66xws6l5m3i2yc4rjt4tmzy2lxwcqs71h.jpg

Uma pseudo-missa em uma mesa de jantar: é assim que as ordens ameaçadas de extinção enfrentam Deus abusando do sagrado.

Os jesuítas foram os primeiros das doze ordens religiosas mais importantes da Igreja a perder mais da metade de seus membros desde seu clímax histórico, de acordo com Catholic-Hierarchy.org.

De 36.038 em 1966, eles caíram para 17.908 em 2011. Atualmente, estão 57% abaixo de sua máxima histórica. Francisco, o jesuíta, não fez nada para reverter essa tendência.

Os franciscanos e os Oblatos de Maria Imaculada atingiram esse marco negativo em 2016. Agora, ambos caíram 52%.

Os Redentoristas (queda de 47%) e os Vicentinos / Lazaristas (queda de 43%) estão perto de chegar a esse ponto.
Apenas uma ordem, os Missionários do Verbo Divino, alcançaram sua marca mais alta em termos de membros nos últimos anos (6.131 em 2009).

Somente em termos de sacerdotes, duas ordens alcançaram sua marca mais alta em 2016: Missionários do Verbo Divino, com 4.231, e Carmelitas Descalços, com 2.937 sacerdotes.

Os Beneditinos tiveram o melhor ano dos doze primeiros, em 2019 aumentaram o número de padres em 6 e os membros em 184.

Somando os doze primeiros, o máximo de todos os tempos foi em 1966, com 160.926 membros no total. Então, começou a descida do Concílio Vaticano II.

Se as tendências atuais continuarem, os Jesuítas serão substituídos pelos Salesianos como a maior ordem religiosa.

en.news

Fonte: https://religionlavozlibre.blogspot.com/2020/05/los-jesuitas-de-francisco-en-caida.html?

 
 
 

Artigo Visto: 264 - Impresso: 3 - Enviado: 1

 

 
     
 
Total Visitas Únicas: 4.189.711 - Visitas Únicas Hoje: 833 Usuários Online: 202