"...Então verão o Filho do homem voltar sobre as nuvens com grande poder e glória.." (Marcos 13)
 
       
 
Documento sem título
 




 
 
02/08/2020
Carta do Dr. Zércher ao Parlamento suíço por "estatísticas forjadas"
 

Carta do Dr. Zércher ao Parlamento suíço por "estatísticas forjadas"

31 de julho de 2020

O antropólogo Jean-Dominique Michel transmitiu em seu site uma carta aberta do Dr. Christian Zércher, médico e presidente da Associação Santé Suisse, na qual denuncia, em particular, a "falsificação de estatísticas", o uso da máscara "manifestamente insalubre" e uma segunda onda "encenada pela mídia e pelas autoridades". "Trechos

-Em relação ao coronavírus:

"Coronavirus 2020" não é um fenômeno novo, embora algumas das sequências de RNA (com mutação rápida) sejam novas. A cada inverno, coronavírus que causam doenças infecciosas respiratórias afetam cerca de 15% da população e causam resfriados e gripes sem diferença médica significativa entre os anos. » [...]

- Em relação às máscaras:

"O uso de uma máscara fora do ambiente cirúrgico é claramente insalubre tanto para o corpo quanto para a psique (arritmia, problemas de concentração e outros efeitos no cérebro, bactérias, vírus e ataques fúngicos crescentes). Trata-se de um material que apresenta um perigo real, com efeitos psicológicos e sociais prejudiciais, cujo chamado efeito protetor está longe das promessas oficiais.  » [...]

-Quanto ao número de mortos:

"Como é possível não ter havido autópsias em 2020 na Suíça ou na Europa? Isso cria falsas estatísticas sobre as causas da morte, que não são críveis nem graves. Mesmo as vítimas de tráfico, se testadas positivamente, são contadas como mortes de Covid!"

-Em relação a uma segunda onda:

"Segunda Onda: Encenada pela mídia e pelas autoridades. Como fenômeno, a segunda onda não existe. Este fato é conhecido por todos os médicos e cientistas que se baseiam em fatos. A melhor solução seria nos prepararmos para enfrentar uma onda contínua, como sempre foi nos últimos anos... sem qualquer desordem particular. » [...]

- Sobre o tratamento da epidemia pela mídia:

"Observa-se uma abundância de relatos que causaram pânico e ansiedade excessiva - sem possibilidade de escapar ou se afastar dessa influência e isso por vários meses. O que é uma novidade em nossa paisagem social.  » [...]
-Sobre a "má conduta dos jornalistas:
A lealdade mostrada aos patrocinadores  através de desinformação (fake news), desrespeito à proporcionalidade, distorção das palavras e estigmatização (por exemplo, difamação de opositores) quando se separam da opinião oficial."

Sobre as consequências do confinamento:

"Muitos médicos encontraram as mãos amarradas durante o confinamento. Um grande número de intervenções urgentes e tratamentos necessários não puderam ser fornecidos, com o risco e o dano das pessoas doentes. O sofrimento psicológico é imenso, especialmente aqueles impostos aos idosos. Nunca antes, nós médicos e terapeutas, havíamos notado um sofrimento psicológico severo, especialmente ao que foi imposto aos idosos.  Nunca antes, nós  médicos e terapeutas, havíamos notado tal aumento no número de pacientes desesperados e assustados, ou os que sofreram de doença mental, nesse espaço de três meses."

Fonte: – Site J-D. Michel : Covid : Lettre ouverte du Dr. Christian Z'rcher aux parlementaires fédéraux

Via: https://religionlavozlibre.blogspot.com/2020/07/el-dr-zurcher-dirige-carta-abierta-al.html?

Veja a carta aberta na íntegra – em francês

 
 
 

Artigo Visto: 277 - Impresso: 2 - Enviado: 3

 

 
     
 
Total Visitas Únicas: 4.341.790 - Visitas Únicas Hoje: 473 Usuários Online: 164