"...Então verão o Filho do homem voltar sobre as nuvens com grande poder e glória.." (Marcos 13)
 
       
 
Documento sem título
 




 
 
13/01/2018
Bonifácio - O Fundador do Brasil Maçônico
 

Bonifácio - O Fundador do Brasil Maçônico

sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

"Digo-vos isso para que ninguém vos engane com discursos sedutores" (Colossenses 2:4)

https://www.gob.org.br/wp-content/uploads/2016/09/01_Jos%c3%a9_Bonif%c3%a1cio1-450x600.jpg

José Bonifácio -  Grão Mestre da Maçonaria do Brasil

Durval Cardoso

Há algum tempo vem acontecendo um fenômeno interessante no Brasil: O surgimento de intelectuais de “direita” que se apresentam como liberais na economia e conservadores nos costumes, ou seja, defendem a moral cristã. Esses homens que, sem dúvida, são estudiosos, vêm de forma muito competente denunciando um grande inimigo destruidor da civilização e da Igreja Católica; o comunismo, a doutrina conhecida como idealizada pelo judeu Karl Marx que, em 82 anos (1917 – 1989) exterminou mais de 100 milhões de pessoas.

Esse combate ao comunismo fez com que uma “direita conservadora” ganhasse força em todo Brasil devido a milhares de pessoas que eram enganadas pelos intelectuais universitários e midiáticos a serviço do comunismo, que o vendiam como algo excelente para a humanidade, acordassem para uma realidade desconhecida e para como foram enganadas.

Essa direita ganhou notoriedade e prestígio entre o público católico que passou a enxergar que a Igreja também estava sendo utilizada para a propagação do comunismo por marxistas infiltrados no clero no mundo inteiro. Na América latina o condenado socialismo-comunismo-cristão ficou bem conhecido como Teologia da Libertação.

Foi necessário fazer essa abordagem inicial para que esses católicos iludidos com essa “direita” entendam que também estão sendo enganados. Existe em curso um movimento organizado por essa “direita” chamado Brasil Paralelo cujo propósito que está na pagina inicial do site é “TRANSFORMAR O IMAGINÁRIO POPULAR BRASILEIRO”. Com esse objetivo, o grupo já está organizando um documentário sobre o MAÇOM José Bonifácio, apresentando-o cinicamente como fundador do Brasil, ignorando a ação dos portugueses e da própria Igreja com os Jesuítas.

Antes de mais nada, devemos saber que esse “herói” pertencia a maçonaria e esse detalhe é escondido do grande público. Sendo ele pertencendo a essa sociedade secreta é bom lembrar os objetivos da maçonaria ao longo dos séculos: Destruir a Igreja Católica Apostólica Romana, a moral católica que regeu os costumes e que deu vida ao mundo ocidental fazendo dele a civilização mais evoluída espiritual como materialmente, a defesa de uma falsa liberdade que significa a entrega do homem a toda sua perversão resultante do pecado original, a guerra para neutralizar a ação benéfica da Igreja na ordem social, resumidamente: construir uma sociedade anticristã para abraçar o anticristo quando ele aparecer como consta nas profecias apocalípticas.

Como observamos no parágrafo anterior, essa “direita” esconde a vinculação direta de José Bonifácio com a maçonaria. Mas, por que? É simples, se o leitor observar atentamente os objetivos da maçonaria, verá que são exatamente os mesmos do comunismo. Mas por quê? É simples também; os “direitistas”, uns por ignorância (são idiotas úteis) outros por também serem vinculados à seita, não mostram que a maçonaria e o comunismo são irmãos, ambos são filhos do povo que Nosso Senhor acusou ter o demônio por Pai; o JUDAÍSMO, (João 8:44).

Formular leis anticristãs para arruinar a sociedade faz parte do plano maçônico e comunista a começar pelo divórcio. Toda sociedade é um conjunto de família, e, o que é o divórcio senão o desmantelamento da família? Desmontar a família é desmontar a sociedade e por fim toda a pátria. A defesa da peste do divórcio é um exemplo de comunhão de ideias tanto maçônica como comunista. 

Lamentavelmente muitos católicos tomaram como “gurus” esses “direitistas conservadores” ao invés da Igreja a ponto de parecerem estarem fascinados pelas pessoas deles, fascínio que os deixam cegos, incapazes de verem que o liberalismo que eles defendem já foi condenado pela Igreja, não enxergam que as ideias liberais desses “gurus” sobre democracia, liberdade religiosa, liberdade de culto, liberdade de imprensa, laicismo, são maçônicas, fazem parte de um plano para levar ao caos a sociedade, jamais um José Bonifácio seria capaz de fundar um Brasil decente, a não ser um Brasil Maçônico e decadente exatamente como está hoje.

Fonte:http://romadesempre.blogspot.com.br/2018/01/bonifacio-o-fundador-do-brasil-maconico.html#more

 
 
 

Artigo Visto: 239 - Impresso: 3 - Enviado: 0

 

 
     
 
Total Visitas Únicas: 2.891.616 - Visitas Únicas Hoje: 1.243 Usuários Online: 243