"...Então verão o Filho do homem voltar sobre as nuvens com grande poder e glória.." (Marcos 13)
 
       
 
Documento sem título
 
Você está em: Principal / Artigos / É golpe!




 
 
30/10/2018
É golpe!
 

É golpe!

https://www.lastampa.it/rf/image_lowres/Pub/p3/2015/11/07/VaticanInsider/Foto/VI-EN-ART-44491-Papa_serio_ansa.jpg

Donald Trump telefonou, congratulando-o; Evo Moralez e até Nicolas Maduro cumprimentaram o presidente eleito Jair Bolsonaro. Mas, até agora [terça-feira, 30 de outubro de 2018, às 14:31], o Vaticano e a CNBB não divulgaram nenhuma, nenhuma mísera nota ao novo Chefe de Estado do maior país católico do mundo. Antes de ser um grave lapso diplomático, é uma enorme falta de dignidade, de educação, de bons modos, frutos do ranço ideológico que caracteriza a política eclesiástica nos dias de hoje. De fato, sentiram o golpe!

----

Alguns comentários:

Paulo Roberto Campos
30 outubro, 2018 às 4:03 pm

Sem dúvida, se para completo aparelhamento do Estado brasileiro, tivesse sido eleito o candidato marxista bolivariano, sacrílego, MSTista, favorável ao aborto, à eutanásia, ao “casamento” homossexual e a uma série de outros projetos que contrariam as Leis de Deus, o Vaticano e a CNBB já teriam se manifestado entusiasticamente, programado visitas oficiais etc.

---

Nathan
30 outubro, 2018 às 3:25 pm

“O Inferno está pavimentado com crânio de bispos.” (São João Crisóstomo)

Vaticano e CNBB, nenhuma nota oficial parabenizando o vencedor?
Se fosse a Esquerda, certamente haveria NOTAS E MAIS NOTAS. O que é isso, companheiros?

“Em verdade vos digo que um de vós me há de trair” (Jesus).

Penso que há um CISMA em curso que logo logo será aberto e proclamado.
As autoridades estão recusando a Santa Tradição, a Sagrada Escritura e o autêntico Magistério da Igreja. Pior. Às escondidas preparam um NOVO RASGÃO NA TÚNICA UNICA DE BRANCO (CISMA). A apostasia se difunde sempre mais na Igreja.

Pedro renegou Jesus 3 vezes. Judas preferiu as 30 moedas da comodidade, do prazer, do orgulho, da impureza, do bem-estar e da auto-afirmação. Os Apóstolos fugiram de medo e abandonaram Jesus…
Como são numerosos os pastores que O renegam, repetindo as palavras da humana fraqueza de Pedro: “Não conheço este homem”.

Somente João e Maria foram fieis até o fim. E nunca, nem mesmo por um instante, abandonaram Jesus.

Quão é enorme a responsabilidade dos bons Pastores da Igreja, meu Deus!
Restará um PEQUENO RESTO fiel aos ensinamentos eternos de Jesus.
Somos os Apóstolos dos últimos tempos.
Quem viver, verá!

---

Fonte:https://fratresinunum.com/2018/10/30/e-golpe/

 
 
 

Artigo Visto: 434 - Impresso: 7 - Enviado: 12

 

 
     
 
Total Visitas Únicas: 3.280.298 - Visitas Únicas Hoje: 885 Usuários Online: 159