"...Então verão o Filho do homem voltar sobre as nuvens com grande poder e glória.." (Marcos 13)
 
       
 
Documento sem título
 




 
 
06/05/2019
Renomado filósofo assina petição convidando bispos a investigar papa por heresia
 

Renomado filósofo assina petição convidando bispos a investigar papa por heresia

Seg 6 de maio de 2019 - 3:33 pm EST

https://assets.lifesitenews.com/images/made/images/remote/https_www.lifesitenews.com/images/local/Dr._Josef_Seifert_810_500_75_s_c1.jpg

6 de maio de 2019 (LifeSiteNews) - O filósofo católico de renome mundial Dr. Josef Seifert assinou uma petição conclamando os bispos do mundo a “investigar o Papa Francisco por heresia”.

A petição foi lançada por um dos signatários da Carta Aberta aos Bispos em 30 de abril, onde 19 clérigos e acadêmicos proeminentes acusaram o papa Francisco de cometer heresia e pediram aos bispos da Igreja Católica, aos quais a carta aberta é endereçada, " passos necessários para lidar com a grave situação "de um papa cometer este crime.

Seifert, presidente da nova Academia para a Vida liderada pelos leigos e amigo íntimo do falecido Papa São João Paulo II, defendeu a assinatura da petição em uma declaração escrita fornecida à LifeSiteNews (ver declaração completa abaixo).

"Assino esta petição porque concordo com a maior parte da carta assinada por 20 católicos ilustres e porque acredito, como eles, que é um dever sagrado de todos os cardeais e bispos da Igreja Católica, como sucessores dos apóstolos, para examinar cuidadosamente qualquer acusação séria de heresia cometida pelo papa ", escreveu ele.

"Se eles acham essas acusações corretas, eles têm o dever adicional como irmãos no Ofício apostólico de dizer ao Papa sem nenhum medo falso e covarde, com toda a franqueza e cheio do mesmo Espírito Santo no qual São Paulo criticou publicamente e repreendeu o primeiro papa Pedro, que o próprio Cristo havia escolhido, que ele se afastou da verdade e da vontade de Deus ", acrescentou.

A petição, intitulada "Apelo aos bispos para investigar o papa Francisco por heresia", foi assinada por 4.200 até o momento.

A carta aberta foi originalmente assinada por 19 clérigos e estudiosos, mas esse número aumentou para quase 80.

***

Comentário completo do Dr. Josef Seifert sobre por que ele assinou uma petição aos prelados pedindo-lhes para investigar as acusações de que o papa Francisco cometeu heresia

Assino esta petição porque concordo com a maior parte da carta assinada por 20 católicos ilustres e porque acredito, como eles, que é um dever sagrado de todos os cardeais e bispos da Igreja Católica, como sucessores dos apóstolos, examinar cuidadosamente qualquer acusação séria de heresia cometida pelo papa. Se acham essas acusações corretas, têm o dever adicional como irmãos no Ofício apostólico de contar ao Papa sem nenhum medo falso e covarde, com toda a franqueza e cheio do mesmo Espírito Santo, no qual São Paulo criticou publicamente e repreendeu o primeiro. O papa Pedro, a quem o próprio Cristo havia escolhido, que se afastou da verdade e da vontade de Deus.

Os bispos e cardeais que são chamados a ajudar o Papa em seu Magistério, devem deixar claro ao Papa Francisco que ele tem um dever sagrado, seguindo o exemplo de seu predecessor, o Papa João XXII, que revogou solenemente as heresias que havia cometido, revogar qualquer afirmação herética dele, não apenas os sete listados na carta.

Eles devem deixar perfeitamente claro que seu dever exige que ele revogue qualquer indicação de cardeais e bispos, que cometeram ou protegeram perpetradores de abusos sexuais e que prejudicam a fé e a missão da Santa Igreja Católica. Devem também advertir o papa Francisco, para o bem da Igreja e sua própria alma imortal, que, como demonstrado nesta carta, qualquer de suas elevações do clero a altos cargos que eles preencham indignamente em detrimento da Santa Igreja que Cristo fundou no amor infinito e através do sacrifício de sua própria vida, deve ser revogado.

Eles devem deixar claro ao Papa Francisco, com toda a humildade e amor de Deus, que tais nomeações colocam em risco sua própria e muitas outras almas, de modo que por amor a Cristo e a essas almas, o papa Francisco deveria demitir tais pessoas sem demora. em que eles danificam a Igreja e traem a Cristo como Judas fez.

Bispos e Cardeais devem entender que estes não são atos de desobediência e rebelião contra o Papa, aos quais a carta os convida, mas atos de amor e verdadeira obediência ao Papa Francisco e a Jesus Cristo, seu e nosso único mestre, nosso inusitado magíster. Adveniat regnum tuum (Seu reino vem) - em breve!

- Josef Seifert, Dr. phil.habil, Dr. h.c., Reitor Fundador da Academia Internacional de Filosofia no Principado Liechtenstein

Fonte: https://www.lifesitenews.com/blogs/renowned-philosopher-signs-petition-calling-on-bishops-to-investigate-pope-for-heresy

 
 
 

Artigo Visto: 369 - Impresso: 5 - Enviado: 0

 

 
     
 
Total Visitas Únicas: 3.628.976 - Visitas Únicas Hoje: 1.314 Usuários Online: 179