"...Então verão o Filho do homem voltar sobre as nuvens com grande poder e glória.." (Marcos 13)
 
       
 
Documento sem título
 




 
 
09/07/2017
Algumas curiosidades sobre a imagem de São Bento
 

Algumas curiosidades sobre a imagem de São Bento

   09/07/2017

São Bento de Núrsia é considerado o “Pai dos Monges” e é o padroeiro da Europa. Ele fundou a Ordem dos Beneditinos e passou por toda a Europa evangelizando e fundando mosteiros.

http://pt.churchpop.com/wp-content/uploads/2017/07/bento-700x518.jpg

por Editor ChurchPOP

Gostaríamos de compartilhar alguns símbolos de sua imagem.

O hábito preto

O hábito ou ‘batina’ preta de São Bento simboliza a Ordem dos Beneditinos fundada por ele. Após ter vivido três anos como eremita, dedicando-se totalmente à oração, Bento passou pelo convento de Vicovaro e depois fundou a Ordem dos Beneditinos conforme o Espírito Santo lhe inspirara. O hábito preto expressa a forte espiritualidade de ascese e sacríficio.

A taça

A taça que aparece nas imagens de São Bento ilustra um acontecimento especial na vida do santo. Depois de ter vivido três anos como eremita, São Bento foi chamado para ser o superior do convento de Vicovaro. Lá, porém, os religiosos viviam uma vida de poucos sacrifícios e pouca oração. São Bento tentou mudar o comportamento dos monges, mas estes, ao invés de acolherem seu ensinamento, tentaram matá-lo colocando veneno numa taça que ele usaria para beber. Como de costume, São Bento rezou e abençoou a bebida antes de consumi-la. Neste momento, a taça quebrou, revelando, assim, a intenção daqueles homens. A partir desse momento, São Bento saiu dali e fundou a Ordem dos Beneditinos.

O livro na mão

O livro simboliza a regra de vida dos beneditinos. O lema principal de sua regra de vida é: ‘Ora et Labora’, ou seja, ‘ore e trabalhe’. A oração alimenta o espírito e dá sentido a todas as coisas. O trabalho ocupa a mente, enobrece o homem, é causa de crescimento e desenvolvimento.

O cajado

O cajado na mão de São Bento é uma referência ao santo como “pai dos monges” e pastor.

O gesto de Bênção

São Bento é sempre representado abençoando. Este era um gesto comum em sua vida: abençoar. Ele seguia à risca o conselho de São Pedro que diz: “Não pagueis mal com mal, nem injúria com injúria. Ao contrário, abençoai, pois para isto fostes chamados, para que sejais herdeiros da bênção”. (1Pedro 3,9) Foi seguindo este conselho, que São bento ficou livre do envenenamento, como vimos acima.

Oração

‘A Cruz sagrada seja a minha Luz. Não seja o dragão o meu guia. Retira-te satanás. Nunca me aconselhe coisas vãs. É do mal o que tu me oferece. Beba tu mesmo do teu veneno. Rogai por nós Bem Aventurado São Bento, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém’

 

Alguns trechos foram retirados do site Cruz Terra Santa.

Fonte: http://pt.churchpop.com/algumas-curiosidades-sobre-imagem-de-sao-bento/

-------

Relacionado

5 coisas que você precisa saber sobre a medalha de São Bento

http://www.artigosdeaparecida.com.br/media/catalog/product/cache/1/image/9df78eab33525d08d6e5fb8d27136e95/j/a/jaime-3d-saobento.jpg

 

por Editor ChurchPOP

1. A origem da medalha

Ela é incerta, mas foi usada desde os tempos antigos. No século XVII, durante um julgamento de bruxaria na Alemanha, algumas mulheres acusadas ??testemunharam que não tinham poder sobre A Abadia de Metten porque estava sob a proteção da cruz.

Quando se investigou, foram encontradas nas paredes do recinto várias cruzes pintadas, rodeadas por letras que agora se encontram nas medalhas. Posteriormente, foi encontrado um pergaminho com a imagem de São Bento e as palavras completas das letras.

2. O Jubileu

A Medalha, como se conhece agora, é a do jubileu que foi emitida em 1880 pelo 14º centenário do nascimento do Santo e lançada exclusivamente pelo Abade Superior de Monte Cassino.

Com ela se pode obter a indulgência plenária na festa de São Bento (11 de julho), seguindo as condições habituais que a Igreja manda (confissão sacramental, comunhão eucarística e oração segundo as intenções do Sumo Pontífice).

3. A Medalha de São Bento é um sacramental

O Objeto é reconhecido pela Igreja com grande poder de exorcismo. Os sacramentais “são sinais sagrados por meio dos quais, imitando de algum modo os sacramentos, se significam e se obtêm, pela oração da Igreja, efeitos principalmente de ordem espiritual”.

http://www.arcanjomiguel.net/bia_18/medalha_sao_bento.jpg

“Por meio deles, dispõem-se os homens para a recepção do principal efeito dos sacramentos e são santificadas as várias circunstâncias da vida” (Catecismo, 1667).

4. A frente da medalha

A medalha traz a imagem de São Bento com uma cruz na mão direita e o livro das Regras de seus religiosos na outra mão.

http://ressurreicao.org.br/wp-content/uploads/2016/03/sao-bento-em-medalha-300x300.png

Ao lado do Santo se diz: “Crux Sancti Patris Benedicti” (cruz do Santo Pai Bento). Pode-se ver também um corvo e um cálice do qual sai uma serpente. De maneira circular, aparece a oração: “Eius in óbitu nostro preséntia muniamur” (Na hora da nossa morte sejamos protegidos pela sua presença), de modo a oração círculo aparece). Na parte inferior central se lê: “x. S. M. Cassino MDCCCLXXX” (Do Santo Monte Cassino 1880).

5. O verso da medalha

Nele está a cruz de São Bento com as letras:

http://www.aascj.org.br/home/wp-content/uploads/2011/07/medalha-de-sao-bento_verso1.jpg

C.S.P.B. – “Cruz do Santo Pai Bento”.

C.S.S.M.L. – “A cruz sagrada seja minha luz” (na haste vertical da cruz).

N.D.S.M.D. – “Não seja o dragão meu guia” (na haste horizontal da cruz).


Em um círculo, começando no canto superior direito:


PAX – “paz”.

V.R.S. – “Retira-te, satanás”

N.S.M.V. – “nunca me aconselhes coisas vãs”.

S.M.Q.L. – “É mau o que me ofereces”

I.V.B. – “bebe tu mesmo os teus venenos”.


Fonte: http://pt.churchpop.com/5-coisas-que-voce-precisa-saber-sobre-medalha-de-sao-bento/

-------

Relacionado

A surpreendente história de como São Bento ressuscitou um menino

https://dyccpk00n8yzt.cloudfront.net/uploads/imagem/imagem/1444/S_o_Bento_de_N_rsia_Blog.jpg

por Editor ChurchPOP

Certa ocasião, São Bento havia saído com os irmãos para trabalhar no campo, quando chegou ao mosteiro um camponês levando nos braços o corpo de seu filho morto, chorando amargamente e perguntando pelo venerável Bento.

Quando lhe responderam que estava no campo com os monges, deixou junto à porta do mosteiro o corpo do falecido filho e, grandemente perturbado pela dor, saiu a correr em busca do monge.

Naquele preciso momento, porém, já estava regressando o homem de Deus com os irmãos. Nem bem o avistou, o infeliz começou a gritar: “Devolve-me meu filho, devolve-me meu filho!” Ao ouvir tais palavras, deteve-se o homem de Deus e lhe perguntou: “Por acaso eu roubei teu filho?” Ao que respondeu: “Ele morreu, ressuscita-o”.

Ouvindo isso, o servo de Deus entristeceu-se muito, dizendo: “Coisas dessas não cabem a nós, antes são próprias de santos Apóstolos. Por que quereis impor-nos cargas que não somos capazes de suportar?” Mas o infeliz, esmagado pela dor, persistia em seu pedido, jurando que não iria embora enquanto ele não lhe ressuscitasse o filho. Então o servo de Deus perguntou: “Onde está ele?” Ao que o pai respondeu: “Junto à porta do mosteiro”.

Chegou o homem de Deus com os irmãos, pôs os joelhos em terra e inclinou-se sobre o corpinho do menino; levantando-se em seguida, ergueu as mãos ao céu e disse: “Senhor, não olhes os meus pecados, mas a fé deste homem que pede que se lhe ressuscite o filho, e faz voltar a este corpinho a alma que dele quiseste levar”. Mal havia acabado de proferir tais palavras quando, voltando a alma ao corpo do menino, este estremeceu de tal modo que todos os presentes puderam apreciar com seus próprios olhos como se havia agitado com aquela sacudida maravilhosa. Bento, então, tomou a mão do menino e o devolveu vivo e incólume ao pai.

Fonte: http://pt.churchpop.com/surpreendente-historia-de-como-sao-bento-ressuscitou-um-menino/

 
 
 

Artigo Visto: 603 - Impresso: 36 - Enviado: 4

 

 
     
 
Total Visitas Únicas: 2.891.897 - Visitas Únicas Hoje: 91 Usuários Online: 157