"...Então verão o Filho do homem voltar sobre as nuvens com grande poder e glória.." (Marcos 13)
 
       
 
Documento sem título
 




 
 
05/02/2019
URGENTE: Francisco sela em Abu Dhabi o "DOCUMENTO DA FRATERNIDADE HUMANA"
 

URGENTE: Francisco sela em Abu Dhabi o "DOCUMENTO DA FRATERNIDADE HUMANA"

4 de fevereiro de 2019

Francisco e o Grande Imã de Al-Azhar selam um pacto pela "fraternidade" e "unidade" de toda "a família humana", e convidam TODAS AS RELIGIÕES a se unirem sob este documento.

https://adoracionyliberacion.files.wordpress.com/2019/02/captura-de-pantalla-2019-02-04-a-las-20.46.30.png

Beijo entre Francisco e o grande Imã de al-Azhar Sheikh Ahmed al-Tayeb

Por adoracionyliberacion / Vicente Montesinos

Francisco e o Grande Imã Ahmed al Tayyeb, principal líder religioso islâmico, assinaram hoje, segunda-feira, 4 de fevereiro, em Abu Dhabi, o documento da "Irmandade Humana".

Tudo isso em uma cerimônia celebrada ante o monumento ao fundador do país, que há inaugurado o emir de Dubai e vice-presidente dos Emirados, Mohammed bin Rashid Al Maktoum, que anunciou a criação do Prêmio da Fraternidade Humana e sua concessão ex-equus ao Papa e ao Grande Imã da Universidade de Al-Azhar, Ahmed al Tayyeb.

O documento, que afirma que é muçulmano e cristão ao mesmo tempo, pede "em nome de Deus" que se lute contra o "extremismo religioso e nacional".

No documento promovido por Francisco, o termo religião é deslocado como sendo a base dos direitos e deveres do povo, que passam a ser baseados na "cidadania do mundo".

O porta-voz do Papa, Alessandro Gisotti, disse que este documento "representa um passo de grande importância no diálogo entre cristãos e muçulmanos, e é um poderoso sinal de paz e esperança para o futuro da humanidade".

Bergoglio se dirigiu ao público em árabe no início de seu discurso, que reuniu 700 líderes de quase todos os credos, e disse que todas as religiões por igual têm que construir pontes entre povos e culturas.

Francisco afirmou ter ido para os Emirados "como um crente sedento de paz, como um irmão que busca a paz com os irmãos".

Bergoglio disse que Deus quer que vivamos como irmãos e irmãs, vivendo na casa comum da criação que ele nos deu. "Todos são igualmente valiosos aos olhos de Deus", disse ele.

Em seu discurso a judeus, cristãos, islâmicos e membros de muitas religiões asiáticas, Bergoglio insistiu que "todos os credos são chamados para superar a distância entre amigos e inimigos, para assumir a perspectiva do Céu, que envolve homens sem privilégios ou discriminação ".

Francisco elogiou os Emirados pelo modo como este país "tolera e garante a liberdade de culto, opondo-se ao extremismo e ao ódio" e monitorando "para que a religião não seja manipulada" a serviço da violência e do terrorismo.

Fonte: https://adoracionyliberacion.com/2019/02/04/fraternidad-papa-gran-iman/

 
 
 

Artigo Visto: 507 - Impresso: 7 - Enviado: 1

 

 
     
 
Total Visitas Únicas: 3.554.159 - Visitas Únicas Hoje: 454 Usuários Online: 163