"...Então verão o Filho do homem voltar sobre as nuvens com grande poder e glória.." (Marcos 13)
 
       
 
Documento sem título
 




 
 
22/08/2019
O que significa a festa de Nossa Senhora Rainha, que celebramos hoje
 

O que significa a festa de Nossa Senhora Rainha, que celebramos hoje

22/08/2019

"Apareceu em seguida um grande sinal no céu: uma Mulher revestida do sol, a lua debaixo dos seus pés e na cabeça uma coroa de doze estrelas"

https://aleteiaportuguese.files.wordpress.com/2018/08/web-saint-aug-22-the-memorial-of-the-queenship-of-mary-public-domain.jpg?quality=100&strip=all&w=620&h=310&crop=1

Redação da Aleteia

A Igreja celebra no dia 22 de agosto a festa de Nossa Senhora Rainha, instituída pelo Papa Pio XII em 1954. Na ocasião, ele coroou a imagem da Mãe de Deus na Basílica de Santa Maria Maior, em Roma, promulgando ainda a encíclica “Ad Caeli Reginam”, que é o principal documento magisterial da Igreja sobre a realeza de Maria.

E que reinado é esse?

A mesma encíclica, baseando-se na tradição e no legado de diversos santos ao longo dos séculos, afirma que Maria é “Rainha de todas as coisas criadas, Rainha do mundo, Senhora do universo“. Um dos santos que escreveram a respeito foi São Luís Maria Grignion de Montfort, cujo Tratado da Verdadeira Devoção atesta: “Maria é a rainha do Céu e da terra, por graça, como Cristo é Rei por natureza e por conquista” (nº 38).

As Sagradas Escrituras mencionam o que a Igreja interpreta como a coroa de Nossa Senhora em Apocalipse, 12, 1:

 “Apareceu em seguida um grande sinal no céu: uma Mulher revestida do sol, a lua debaixo dos seus pés e na cabeça uma coroa de doze estrelas”.

Papas posteriores a Pio XII também se expressaram a respeito, como São João Paulo II, que afirmou:

“É uma Rainha que dá tudo o que possui, compartilhando, sobretudo, a vida e o amor de Cristo”.

Em 2012, o agora Papa Emérito Bento XVI declarou que a realeza de Maria se concretiza no amor e no serviço aos seus filhos e na sua constante vigília pelas pessoas e pelas suas necessidades.

A constituição dogmática “Lumen Gentium” também registra:

“A Virgem Imaculada (…) foi elevada ao céu em corpo e alma e exaltada por Deus como rainha, para assim se conformar mais plenamente com seu Filho, Senhor dos senhores e vencedor do pecado e da morte” (nº 59).

Quanto à celebração litúrgica de Nossa Senhora Rainha, ela ocorria inicialmente em 31 de maio, fechando o mês mariano, mas passou para a oitava da Assunção, visando ressaltar a relação direta entre a ida de Maria para o Céu e o seu reinado eterno ao lado de Jesus.

Fonte:https://pt.aleteia.org/2019/08/22/o-que-significa-a-festa-de-nossa-senhora-rainha-que-celebramos-hoje/?

 
 
 

Artigo Visto: 181 - Impresso: 1 - Enviado: 0

 

 
     
 
Total Visitas Únicas: 3.672.532 - Visitas Únicas Hoje: 1.437 Usuários Online: 272