"...Então verão o Filho do homem voltar sobre as nuvens com grande poder e glória.." (Marcos 13)
 
       
 
Documento sem título
 




 
 
02/12/2013
O milagre vivo que foi Marthe Robin
 

 
O milagre vivo que foi Marthe Robin

O testemunho da vida de Marta Robin é a prova irrefutável da realidade da transcendência.

Perante a realidade objetiva e concreta que foi a vida de Marta Robin(ou Marthe Robin), espanta-me que nunca tenha visto um documentário sequer em um qualquer canal de televisão acerca dela. Como é possível que a comunicação social seja tão enviesada e ideologicamente manipulada a ponto de escamotear a própria realidade ontológica?

Marta Robin nasceu numa aldeia perto da cidade francesa de Lyon, a 13 de Março de 1902, e faleceu na mesma localidade a 6 de Fevereiro de 1981. A partir dos seus 26 anos e até à sua morte, Marta Robin não ingeriu qualquer líquido nem nenhum alimento sólido senão a hóstia da Santa Eucaristia. Conforme podemos ver em documentários e testemunhos do Youtube, os médicos não só não encontram uma explicação para o fenómeno “Marta Robin”, como constataram até que o seu aparelho digestivo tinha definhado a ponto de não permitir qualquer tipo de digestão. Qualquer líquido que fosse introduzido na sua boca saía, em acto contínuo, pelas narinas.

Marta Robin alimentou-se durante 53 anos unicamente da hóstia que lhe era dada a cada Sexta-feira, e até à Terça-feira seguinte, entrava em um período de transe profundo durante o qual se abriam as feridas dos estigmas nas suas mãos, no lado esquerdo do seu peito, e na cabeça.

O testemunho da vida de Marta Robin é a prova irrefutável da realidade da transcendência. Contudo, continuamos todos a colocar em causa essa realidade ou fazendo de conta que ela não existe. Depois de Marta Robin, nenhum homem moderno tem uma desculpa para se afastar da religião cristã (neste caso, católica), por um lado, e já não pode existir uma justificação racional para atribuir ao homem moderno uma putativa superioridade em função da rejeição da religião, por outro lado.

O sacrifício de Marta Robin — entre outros sacrifícios, durante o século XX — foi o melhor testemunho que Deus deu aos seres humanos durante o século passado. É espantoso e simultaneamente constrangedor o modo como muitos homens modernos já perderam a capacidade de perceber a realidade evidente que lhes passa à frente do nariz.

    «Encontrei-me naquele quarto escuro, apresentado a Marta por uma das mentes mais controversas do nosso tempo: o médico de Anatole France, o Doutor Couchoud, discípulo de Alfred Loisy e director de uma colecção de livros anticristãos.

    Desde o primeiro encontro com Marta Robin, entendi que ela seria para mim uma “irmã na caridade”, como sempre o foi para milhares de visitantes. Era uma camponesa dos campos franceses, que por trinta anos não ingeriu nem comida, nem bebida; nutria-se somente da Eucaristia e cada sexta-feira revivia, com os estigmas, as dores da Paixão de Jesus. Uma mulher que talvez foi a pessoa mais estranha, extraordinária e desconcertante da nossa época, mas que justamente no século da televisão permaneceu desconhecida do público, sepultada no mais profundo silêncio…».

 

   Jean Guitton, filósofo, no seu livro “A Jornada Imóvel”


“Esta Igreja, peregrina na terra, é necessária à salvação. De fato, só Cristo é mediador e caminho de salvação. Ora, Ele torna-Se-nos presente no seu Corpo, que é a Igreja. Ao afirmar-nos expressamente a necessidade da fé e do Batismo, Cristo confirma-nos, ao mesmo tempo, a necessidade da própria Igreja, na qual os homens entram pela porta do Batismo. É por isso que não se podem salvar aqueles que, não ignorando que Deus, por Jesus Cristo, fundou a Igreja Católica como necessária, se recusam a entrar nela ou a nela perseverar.” (Catecismo da Igreja Católica, n. 846)

 

Fonte I : http://espectivas.wordpress.com/2011/08/12/o-milagre-vivo-que-foi-marthe-robin/

Fonte II:http://www.padresanto.com.br

 

 
 
 

Artigo Visto: 1401 - Impresso: 61 - Enviado: 8

 

 
     
 
Total Visitas Únicas: 3.630.855 - Visitas Únicas Hoje: 516 Usuários Online: 181