"...Então verão o Filho do homem voltar sobre as nuvens com grande poder e glória.." (Marcos 13)
 
       
 
Documento sem título
 




 
 
11/04/2018
Médico invade Catedral em São Paulo e bate no Santíssimo Sacramento com pauladas
 

Médico invade Catedral em São Paulo e bate no Santíssimo Sacramento com pauladas

https://external.ffbe1-1.fna.fbcdn.net/safe_image.php?d=AQC1Evu6MkR2z6UW&w=476&h=249&url=http%3A%2F%2Ffdd.blog.br%2Fwp-content%2Fuploads%2F2018%2F04%2F8E423B0E-709E-4071-A629-A58E782BE2C2.jpeg&cfs=1&upscale=1&fallback=news_d_placeholder_publisher&_nc_eui2=v1%3AAeHHdN02HNmYu_Z6NsMGgw_nATqHhpqLqPYIU0IqUiucmlIaAGoy5aJGnOYb9XAUG8Oy51yxr5Ujz_jS1QokIi220575CCPTZpVXqLjsXtXdKQ&_nc_hash=AQAtmBXjAl05MWhD

Vítor Pires

O ostensório da Sé Catedral de Santo Antônio de Piracicaba (SP) foi danificado durante a recitação do terço nesta terça-feira (3).

Um boletim de ocorrência foi registrado na Polícia Civil afirmando que um médico de 59 anos invadiu o presbitério da catedral, local onde fica o altar, e golpeou o objeto, que conserva a hóstia consagrada para as celebrações católicas.

O padre Mateus Kerches Nicolucci disse que o homem estava com um objeto na mão, que parecia ser uma bengala ou um pedaço de madeira, e subiu no presbitério como se fosse fazer uma oração, mas ao se aproximar da peça, deu golpes com este objeto no ostensório.

O padre disse ainda que não foi a primeira vez que o médico causou transtornos na catedral. Além do ostensório, o suporte da peça ficou destruído.

Após o ocorrido, um representante da igreja registrou o boletim de ocorrência contra o médico. Os policiais que acompanharam a ocorrência informaram no documento que o autor aparentava ter problemas psiquiátricos, e ele não chegou a ser detido na delegacia.

Em nota, a Diocese de Piracicaba disse que o homem invadiu o presbitério da catedral por volta das 19h15 e que ele estava visivelmente abalado emocionalmente. O ostensório, que estava sobre o altar, foi danificado em duas partes e a “hóstia profanada”.

A igreja estava cheia no momento do ocorrido, e após acalmar os fiéis, o monsenhor Ronaldo Francisco Aguarelli recolheu a Eucaristia e decidiu registrar o boletim de ocorrência.

“O ato de reparação à Santa Eucaristia foi realizado na missa de adoração ao Santíssimo celebrada logo em seguida. Já o ostensório danificado foi encaminhado para os devidos reparos.”

A Diocese não soube informar o custo do conserto da peça, que terá que ser restaurada, e disse ainda que lamenta o fato ocorrido, e espera que os familiares do médico e autoridades policiais tomem as medidas cabíveis.

Fonte:http://fdd.blog.br/2018/04/medico-invade-catedral-em-sao-paulo-e-bate-no-santissimo-sacramento-com-pauladas/

 
 
 

Artigo Visto: 765 - Impresso: 10 - Enviado: 2

 

 
     
 
Total Visitas Únicas: 3.109.802 - Visitas Únicas Hoje: 234 Usuários Online: 111