Sinais do Reino


Notícias e comentários
  • Voltar






08/06/2021
Estado americano oferece baseados por vacinas para seduzir céticos

A medida segue uma decisão do mês passado, que autorizou bares e outras empresas a darem uma bebida de graça a adultos que vão se vacinar nas próximas seis semanas

Estado americano oferece 'baseados por vacinas' para seduzir céticos

08/06/21 - 16h42

Por AFP

O estado de Washington, nos Estados Unidos, está oferecendo “um baseado em troca de vacina”, na mais recente tentativa curiosa de seduzir mais pessoas a se vacinar, à medida que as taxas de inoculação do imunizante contra a covid-19 continuam diminuindo.

As lojas que vendem maconha neste estado do noroeste, onde o uso recreativo da planta foi legalizado em 2012, poderão oferecer um baseado grátis para qualquer pessoa com 21 anos ou mais que seja vacinada em suas clínicas habilitadas.

A medida segue uma decisão do mês passado, também naquele estado, que autorizou bares e outras empresas a darem uma bebida de graça a adultos que vão se vacinar nas próximas seis semanas.

Até agora, pouco mais da metade dos adultos do estado de Washington (54%) receberam ao menos uma dose da vacina covid-19, de acordo com dados recentes do Departamento de Saúde.

No entanto, nas últimas semanas a taxa de vacinação diminuiu em grande parte do país, o que levou à implementação de uma série de propostas para incentivar uma maior participação.

Vários estados, incluindo Califórnia e Ohio, criaram “loterias” de vacinas, oferecendo prêmios em dinheiro ou bolsas de estudos para indivíduos imunizados selecionados aleatoriamente.

Outros incentivos incluem ingressos grátis para esportes, passagens aéreas e cupons gratuitos para cervejas, enquanto um dispensário de maconha do Arizona já experimentou dar produtos grátis para quem for imunizado.

A oferta temporária dos “baseados por vacinas” do Estado de Washington, proposta por fornecedores de maconha, com participação opcional para cada comerciante, vai até 12 de julho.
O presidente Joe Biden estabeleceu uma meta para que 70% dos adultos sejam vacinados até 4 de julho, o Dia da Independência do país.

De acordo com os dados mais recentes dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças, o número atual de vacinados é de 63,7%.

Fontes:https://www.otempo.com.br/mundo/estado-americano-oferece-baseados-por-vacinas-para-seduzir-ceticos-1.2496249 - https://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/afp/2021/06/08/estado-americano-oferece-baseados-por-vacinas-para-seduzir-ceticos-sobre-imunizante.htm

---

EUA oferecem cerveja, maconha, donuts e até dinheiro para quem se vacinar

Em várias cidades dos Estados Unidos, prêmios para quem for se vacinar contra a COVID-19 podem chegar até a um carro

Copo de cerveja imagens de stock, fotos de Copo de cerveja | Baixar no  Depositphotos

A forte campanha de vacinação do presidente norte-americano Joe Biden segue a todo vapor. E para imunizar o maior números de pessoas no país, vale tudo em matéria de recompensa. Os 'prêmio' vão desde cerveja, donuts, maconha, dinheiro e até um carro.

Em Detroit, Michigan, por exemplo, as autoridades locais estão oferecendo 50 dólares a cada pessoa que dê carona a outra até um dos centros de vacinação na cidade. O objetivo do governo é alcançar a imunidade de grupo o mais rápido possível em todo o país, que tem mais de 328 milhões de habitantes.

Como ainda há muitos norte-americanos que se recusam serem vacinados, a ideia é tentar estimulá-los de outra forma. Em algumas cidades, os governos locais estão oferecendo cerveja, donuts e até maconha. Em troca, o ciadão só têm de estender o braço e ser vacinado. Algumas cidades vão mais longe, e oferecem até um carro.

A Cervejaria Budweiser também entrou na 'brincadeira', e está oferecendo cerveja para quem for vacinado. Até o dia 16 de maio, consumidores com 21 anos ou mais podem acessar o site da empresa e apresentar o comprovante de vacinação. Esse comprovante pode ser uma foto do adesivo 'I Got Vaccinated', uma foto do curativo ou uma selfie tirada enquanto a pessoa estava sendo vacinada.

A iniciativa está acompanhada de um anúncio intitulado 'Reunited with Buds', com a música 'Don’t Stop Me Now', do Queen, ao fundo.

Imagem

A cerveja também será a 'premiação' de quem se vacinar no estado de Nova Jersey. O governador Phil Murphy anunciou que quem tomar a primeira dose da vacina contra a COVID-19, em maio, terá direito a uma cerveja de graça. Basta escolher um dos 13 bares cadastrados na parceria com o governo estadual. Para participar da ação, batizada de 'Shot and a Beer', é necessário que os cidadãos tenham mais de 21 anos e que apresentem o cartão de vacinação para as cervejarias participantes.

“Estamos lançando nosso programa 'Shot and a Beer' para encorajar os elegíveis de Nova Jersey com mais de 21 anos a se vacinarem”, disse Murphy. “Qualquer pessoa de Nova Jersey que receber sua primeira dose de vacina no mês de maio e levar seu cartão de vacinação a uma cervejaria participante receberá uma cerveja grátis.”

Apesar de 37% da população já estar imunizada, incluindo pessoas com 16 anos, a iniciativa faz parte da "Operação Verão de Jersey”, que visa incentivar a imunização e tornar a vacina mais disponível, oferecendo consultas imediatas.

“Estamos concentrando nosso trabalho para atingir nossa meta inicial de 4,7 milhões de habitantes de Nova Jersey vacinados até 30 de junho”, disse Murphy.

O estado também está estendendo a mão aos moradores de áreas carentes com informações sobre a vacina e ajudando os moradores a marcarem consultas, segundo o governador. New Jersey está fazendo parceria com líderes religiosos também para o programa “Grateful for the Shot”, que Murphy disse “tornará possível para os fiéis irem diretamente dos serviços religiosos para os locais de vacinação”.

O estado em breve irá avaliar as restrições da COVID-19, com o intuito de aliviar as medidas, aumentando à capacidade dos restaurantes internos, desde que durante as festas, fiquem a dois metros de distância e que respeitem o limite das reuniões ao ar livre.

No Brasil, apenas 6,7% da população foi vacinada com os imunizantes contra a COVID-19. Na capital brasileira, o Governo do Distrito Federal resolveu incentivar os idosos, que fazem parte do grupo prioritário, a se vacinarem. A medida veio após baixa na imunização local devido a resistência a dose Oxford/AstraZeneca.

Fonte:https://www.em.com.br/app/noticia/internacional/2021/05/04/interna_internacional,1263142/eua-oferecem-cerveja-maconha-donuts-e-ate-dinheiro-para-quem-se-vacinar.shtml




Artigo Visto: 131

 




Total Visitas Únicas: 5.206.842
Visitas Únicas Hoje: 768
Usuários Online: 164