Sinais do Reino


Final dos Tempos
  • Voltar






01/08/2023
Distribuem o Corpo de Cristo em tigela de cozinha – JMJ

JMJ pede para não consumir carne por um ano.

Os bergoglianos, leigos e sacerdotes e bispos, que ingenuamente vieram à JMJ, ficaram surpreendidos com o fato de os organizadores terem denegrido Cristo ao colocá-lo numa tigela de cozinha para serem distribuído em comunhão, durante a missa do Encontro dos Espanhóis, mas não que o "Papa" diga heresia atrás de heresia.
Se tivessem raciocinado minimamente durante esses 11 anos de 'pontificado' e tempo não tenha faltado, perceberiam que não deveriam comparecer a um evento organizado por um clero pró-agenda maçônica que afirma que não pretende converter os jovens que lá chegam, a Cristo. E, claro, uma consequência é que o Filho de Deus foi ignorado, privando-o daquele mínimo de honra que consiste em ser distribuído em um cibório digno.

A mensagem foi clara desde o início, porque o programa "católico" da JMJ incluía uma visita a uma mesquita e a uma sinagoga, e acho que até a um templo budista, como se todas as crenças fossem iguais, mas com nuances diferentes.

Segundo o Infovaticana, "esta iniciativa (das tigelas de cozinha) procurou transmitir uma mensagem de humildade e simplicidade, convidando os jovens a refletir sobre o valor dos elementos materiais na liturgia", deixando claro que: "a decisão foi consensual e em total acordo com as autoridades eclesiásticas".

Fonte: https://religionlavozlibre.blogspot.com/2023/08/reparten-el-cuerpo-de-cristo-en-cuencos.html

---

A 'Misericórdia' mata os Beneditinos

01 de agosto de 2023

Os Beneditinos da Imaculada de Taggia receberam um golpe de misericórdia de Bergoglio, de acordo com as informações disponíveis da Gloria.tv.

A comunidade de estrita observância foi fundada em 2008 em Villatalla, Itália, por dois monges da abadia de Le Barroux, na França, incluindo o padre Jehan De Belleville.

Em 2019, mudou-se para o antigo mosteiro capuchinho de Taggia, onde foi recebido pelo bispo de Ventimiglia-Sanremo, Antonio Suetta.

Depois da Traditionis Custodes, Suetta pediu "permissão" ao sempre misericordioso Francisco para que os beneditinos celebrassem a missa. Bergoglio recusou. (Eles deveriam ter pedido uma Eucaristia homossexual.)

Agora, quatro dos sete monges estão indo embora. Os outros três aparentemente vão para um mosteiro doado ao arcebispo Viganò.

En.news

Via: https://religionlavozlibre.blogspot.com/2023/08/la-misericordia-bergogliana-mata-los.html

---

JMJ pede para não consumir carne por um ano

01 de agosto de 2023

Jornada Mundial da Juventude: inter-religião, clima-religião e um toque de catolicismo
Os organizadores da Jornada Mundial da Juventude recomendam no seu site Lisboa2023.org visitar uma sinagoga (Sinagoga Shaare Tikvah), mesquitas (Mesquita Central de Lisboa, Centro Ismaili) e um templo hindu (Templo Radha-Krishna) em Lisboa.

Entre os eventos previstos está uma cerimônia intitulada "Plantar árvores para as religiões" (2 de agosto) para "representar a harmonia na diferença entre as grandes tradições religiosas da humanidade". Isso se encaixa na rejeição do neocardeal Aguiar à necessidade de converter os jovens.

Os peregrinos também são instados a abrir mão da carne por um ano para compensar sua chamada "pegada de carbono" para ser "a Jornada Mundial da Juventude mais sustentável até agora". Claro que nada que apele à abstinência tal como entendida pela Igreja e por razões superiores, já que o Bispo de Lisboa disse categoricamente que não se pretende converter ninguém nem à Igreja nem a Cristo

A religião pró-gay é apresentada pelo homossexual James Martin, jesuíta, que anunciou sua participação como palestrante na Jornada Mundial da Juventude.

Na própria JMJ, há uma missa diária de rito romano em Lisboa (29 de julho a 6 de agosto) na paróquia de São Nicolau.

en.news

Via:https://religionlavozlibre.blogspot.com/2023/08/jmj-insta-no-consumir-carne-durante-un.html

---

Marx presta homenagem ao príncipe homossexual

01 de agosto de 2023

O cardeal Marx de Munique presidiu um "culto de ação de graças" em 22 de julho para comemorar o 90º aniversário do duque Francisco da Baviera, em 14 de julho.

O culto aconteceu na St Michael's, uma igreja paroquial jesuíta em Munique.

Marx elogiou a "abertura" e o trabalho do duque "pela Igreja e pela sociedade". Agradeceu-lhe o seu "compromisso caritativo" e o seu "testemunho de vida" (sic).

Von Bayern é o chefe da Casa de Wittelsbach, a família governante da Baviera.

Quando criança, passou a era nacional-socialista em vários campos de concentração. Após a guerra, ele administrou os bens de sua família, tesouros de arte e os castelos.

Recebe a parte do leão dos cerca de 14 milhões de euros gerados anualmente pela fortuna da família, é o legítimo rei de Inglaterra, membro honorário da Congregação dos Homens Marianos de Munique e durante décadas concubino homossexual com Thomas Greinwald, que tornou público em 2023.

en.news

Via: https://religionlavozlibre.blogspot.com/2023/08/marx-homenajea-al-principe-homosexual.html




Artigo Visto: 594

 




Total Visitas Únicas: 6.308.148
Visitas Únicas Hoje: 197
Usuários Online: 128